Passaram por aqui:

sábado, abril 05, 2014

Vergonha para o Evangelho.



De maneira nenhuma; sempre seja Deus verdadeiro, e todo o homem mentiroso; como está escrito:Para que sejas justificado em tuas palavras,E venças quando fores julgado.




Começo o texto com este versículo.
Sempre analisando minha vida pessoal e falando de mim e por mim. A cada leitor cabe em si reter o que é bom. O que não for seja lançado fora.
Hoje me peguei pensando neste versículo e me entristeci. Pela segunda vez me precipitei nas palavras. A primeira vez foi a respeito de um trabalho que não deu certo e eu entusiasmada falei que o Senhor abriu aquela oportunidade para mim, quis glorificar o nome dEle... Mas não deu certo e até hoje não sei a razão. Sai de lá em paz, apesar de não compreender. Mas o fato é que eu publiquei isto na rede social, no facebook. Imagina para quem leu depois perceber que o meu Deus é inconstante e que brinca com o ser humano. Jamais!
A precipitação foi minha em afirmar algo sem ter a plena convicção e digo mais, eu não tinha que dizer nada. 
Mais do que nunca tenho que glorifica a Deus mais com as atitudes.
Como ouvi outrora, devo deixar que às pessoas vejam sem que eu diga uma só palavra.
Pedi perdão a Deus. Que eu seja a mentirosa na história, mas nunca a Ele.
E é isto tipo de coisa que pode trazer vergonha para o evangelho do qual, me entristeço quando isto acontece.
E pela segunda vez, não por falta de aviso, o Senhor já estava falando pra mim, eu não ouvi o suficiente. Muito barulho e não consegui ouvir sua voz. 
Ainda fiquei com receio, um alerta disparou quando surgiu a oportunidade de sair da minha cidade, orei e ainda pedi confirmação. ( O perigo de não está sensível o suficiente para ouvir a voz de Deus é isto. )
Percebi que estava confiando mais em pessoas do que em Deus. 
Ainda ouvi uma ministração aqui na minha cidade falando do versículo sobre o homem que confia em outro homem, no sentido de ficar dependente dele, não com relação a confiar coisas.
Eu fico pé da vida comigo quando estas coisas acontecem e já tarde demais.
Sei que vou sair daqui, o Senhor já me falou. Como tudo é no tempo dEle e não no meu, cabe a mim esperar e confiar no tempo certo.
Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Eclesiastes 3:1
Eu pensava que o tempo certo havia chegado. Quebrei a cara. Passei por situações de constrangimento.
No fundo eu não estava totalmente em paz. Não estava segura do porvir.
Mas tinha eu que novamente publicar que estava saindo daqui, quanta estupidez a minha. 
Se tivesse ficado calada, a vergonha não seria tanta. 
Tanto pra mim quanto para o Evangelho, pois afirmei que Deus era que estava me tirando deste lugar. E na verdade hoje sei que não foi.
Estava passando por uma situação ruim e de muita pressão, fraca na fé...e a idéia de sair daqui me agradou, claro. No entanto tinha certeza se havia chegado o meu tempo. 
É horrível a sensação de inconstância, de ser levada como menina, sem direção e sem percepção real. E agora estou eu aqui, contando este fato.
Pensando nas críticas que ouvirei, nos julgamentos, nas condenações de sempre, na minha vergonha e mais ainda por ter envergonhado a palavra do Senhor. (Eu até faria um vídeo sobre isto, mas, confesso que não gosto de webcam.)
Envergonhada pelo meu erro em ter me deixado me levar por palavras que não eram as de Deus, porque quando é Ele, Ele cumpre. Já o homem, ele falha, ele se deixa levar pela empolgação, pela influência, pelas emoções...
Culpados? A Culpa é minha que não estava na dependência total de Deus, pensava que estava...
Talvez estivesse apenas 90%.  
Tomei decisões baseado em opiniões alheias, me deixei levar por conselhos que em nada me acrescentaram. 
Até hoje só foi problema. Nem vou mencionar outras coisas das quais não preciso publicar, para mim serve como experiência.
Na verdade foi aí que tudo começou a ficar estranho. E neste ponto deveria ter percebido que Deus não estava nisto.
Recentemente falei sobre influências e era Deus já falando comigo.
Sai da minha cidade através de sua vontade permissiva de Deus do qual trouxe dano e uma lição. Romper com aliança errada. Fica fácil quando há falta de respeito. "Ingratidão perde-se afeição".
Percebi o quanto você pode ser enganado quando se age pelas emoções.
Se me arrependo? Sim, claro,  de ter publicado que estava saindo daqui, porque hoje apesar dos problemas, do stress que houve, hoje vejo claramente o que para mim ainda estava oculto.
E é tempo de rompimento com coisas e pessoas, é tempo de  mudanças na minha vida.
Estou triste sim por ter envergonhado a palavra do Senhor. 
E sem querer fazer média ou de vítima porque é quase como um clichê ouvir estas coisas, posto aqui como experiência de alguém que está crescendo ainda no Senhor, aos trancos e barrancos, caindo e levantando, buscando não errar. Buscando a estatura ideal em Cristo. E que descobriu que tem muito a aprender ainda.

Tenham muito cuidado com profecia. Tenham cuidado com influência das pessoas mais próximas de ti.
Se reserve, não compartilhe seus dramas, seus medos e seus receios por aí. Fale com Deus, apenas com Ele. Na hora certa ele te mostrará pessoas em que você possa confiar. Fale menos, viva mais!
Deixo este vídeo para meditação de vocês. :0)

Sejam abençoados na prática da palavra!
Inté mais ler!
Anne Araújo

2 comentários:

  1. ORA, QUEM NUNCA TOMOU DIREÇÕES AS QUE NÃO ERAM DO SENHOR PARA NÓS. EIS AQUI UM QUE TAMBÉM JÁ CAIU UM BURACOS FEITOS POR MIM MESMO, EU.

    AVANTE, NOVA ESTRADA, NOVA JORNADA!!!

    "Todavia, lembro-me também do que pode dar-me esperança:
    Graças ao grande amor do Senhor é que não somos consumidos, pois as suas misericórdias são inesgotáveis.
    Renovam-se cada manhã; grande é a tua fidelidade!
    Digo a mim mesmo: A minha porção é o Senhor; portanto, nele porei a minha esperança."
    Lamentações 3:21-24

    ResponderExcluir

Volte sempre!